www.horadanoticia.com.br
Aqui você lê o que acontece de fato
 
    Hora da Notícia (67) 9924-2726    Busca
   Primeira Página
   Notícias
      › Brasil
      › Alcinópolis
      › Camapuã
      › Chapadão do Sul
      › Costa Rica
      › Figueirão
      › Paraíso das Águas
   Guia de Negócios
   Agenda de Eventos
   Colunistas
   Galeria de Fotos
   Aniversariantes
   Notas Breves
   Charges
   Entrevistas
   Quem Somos
   Expediente
   Anuncie Aqui!
   Fale Conosco
  Informativo
  Cotações
Notícias
Busca 
Geral
01/02/2008 - 22:02
Vereador chama jornal de meia tigela e ameaça jornalista
Foto: Reprodução
Hora da Notícia

A Câmara de vereadores de Costa Rica realizou a 1ª sessão do ano legislativo nesta sexta-feira (01) com a presença do prefeito municipal que anúnciou investimentos em obras para esse ano da ordem de 15 milhões. Os vereadores elegeram o vice-presidente da casa de leis Joaquim Alcaides Carrijo (Caquim-PT).

O vereador José Edson (PSB), apresentou projeto de lei tornando obrigatório o uso do aparelho Desfibrilador Cardíaco em eventos esportivos, o projeto foi encaminhado para as comissões para ser analisado.

Durante a sessão foi entregue moção de congratulação e apoio a Renan Rondon Carrijo pela conclusão do curso superior em Zootecnia. 

 O que chamou a atenção  foi o descontrole do vereador Waldomiro Bocalan (Biri-PDT), demonstrando estar irritado com matérias publicada pela imprensa. Biri classificou o Site Hora da Notícia de “jornal de meia tigela”, ameaçou o jornalista responsável dizendo: “quem é ele, de onde veio, até quando fica”, afirmou o parlamentar. O vereador concluiu sua fala na tribuna dizendo estar muito magoado, e disse ter sido criticado injustamente.

O prefeito Waldeli fez o anuncio de investimentos no município e aconselhou o vereador descontrolado a ter paciência, observou ao parlamentar que ele é um homem público sujeito a críticas. O prefeito ressaltou que quando o político tem uma carreira sólida, bem planejada as críticas não abalam.

A vereadora Evair Gomes Nogueira, (PSDB) esclareceu o voto contrário ao projeto que solicitava suplementação de verba para aquisição de ônibus escolares na semana passada. A parlamentar foi determinada ao afirmar que o votou contra por não ver necessidade do aditivo de 5% apresentado através de emenda do vereador Ivan da Cruz Pereira (Xixi-PDT).

Hora da Notícia



É permitida a reprodução do conteúdo desta página desde que seja citada a fonte, Hora da Notícia. Todos os direitos reservados.
    
› Deixe sua opinião
Nome  
E-mail  
Mensagem 
 
Digite as duas palavras que você vê abaixo:
 
 


   
IBGE dá início à pesquisa sobre a Covid-19 com entrevistas por telefone
    
   
Ramiro Piergentile Neto
Direito de Opinar
    
   
    
Publicidade
Hora da Noticia   |   (67) 9924-2726   |   horadanoticiaredacao@hotmail.com   |   Costa Rica - MS